sábado, 29 de novembro de 2008

TAÇA AXP - 2ª. SESSÃO - CONTINUAMOS TODOS EM PROVA

Disputou-se hoje dia 29-11-2008 a 2ª. Sessão referente a Taça AXP.

O Equilíbrio maior verificou-se no encontro de Matosinhos com as equipas “C” do GDDF e a nossa equipa “B”.
Dois empates e uma derrota para cada lado. Neste caso particular a vitória do António Matos acabou por ser decisiva para apurar a equipa vencedora, conforme regulamento da prova



Na nossa equipa A realce para o empate cedido pelo nosso Mestre José Padeiro para o nosso amigo e bem conhecido Augusto Artur Almeida (Grande Artur).



Uma nota de destaque para o Manuel Pedroso – 1º. Tabuleiro da nossa equipa “D” , que assim consegue averbar a sua primeira vitória ao fim do seu 2º. jogo de lentas.




Em Espinho e frente à AXE “A” os nossos "aceleras" deram-se muito mal por aquelas paragens. Só o Rui Gonçalves conseguiu sacar uma vitória no segundo tabuleiro.



Feitas as devidas contas as equipas A e B ainda não perderam, enquanto as equipas C e D depois de já ter cada uma averbado uma derrota terão que começar a andar de calculadora nas mãos quando forem agora disputar no próximo sábado a hipótese derradeira de continuar na prova. Pois, mais uma derrota e vão “fora da carroça” – Esta coisa de contas até me faz lembrar a nossa selecção de futebol.

Resultados


Moto Clube do Porto "A" 3,5 - Grupo Xadrez do Porto "C" - 0,5


José Padeiro 0,5 - Augusto Almeida - 0,5

Alexandre França - 0 - José Verissimo - 1

Ricardo Cardoso - 1 - José Costa - 0

José Lopes - 0 - Luis Araujo - 1



Grupo Desportivo D.Ferreira "C" - 2 - Moto Clube do Porto "B" - 2


Ricardo Margarido - 0,5 - Ighor Kovtun - 0,5

João Vicente - 0,5 - Simão Pintor - 0,5

António Faria - 0 - António Matos - 1

António Mendes - 0 - João Simões - 1


Academia de Xadrez de Espinho "A" - 3 - Moto Clube do Porto "C" - 1

Amadeu Loureiro - 1 - Anibal Nogueira - 0

Rui Gonçalves - 1 - Alexandre Cardoso - 0

Pedro Pereira - 1 - Afonso Duarte - 0

Nuno Lima - 0 - William Fukanaga - 1


Moto Clube do Porto "D" - 4 - Academia de Xadrez de Gaia "C" - 0


Manuel Pedroso - 1 - João Teixeira - 0

Eduardo Pinto - 0 - Inês Ferreira - 1

Marta Alves - 1 - Paulo Ferreira - 0

Daniel Martins - 0 - Diana Nogueira - 1

Ufa… até que enfim que já acabei de escrever, parece que não tinha mais fim.

Mário….. Volta depressa.

A Mendes

Bookmark and Share

Comentário às Olimpíadas de Dresden

Os vencedores das Olimpíadas de Xadrez vêm provar que no xadrez tal como em qualquer desporto os vencedores são cada mais imprevisíveis. Tal como no futebol se diz que o Brasil poderia fazer 10 selecções sem baixar a qualidade, no xadrez supõe-se que tal procedimento pudesse ser efectuado pela Rússia, contudo, o que verificamos é que as vitórias de um e outro não são assim tão frequentes. Quando o nível é tão equilibrado o que decide os vencedores são pequenos aspectos mais relacionados com a atitude competitiva e com a psicologia do jogo do que propriamente se algum jogador tem mais ou menos 50 pontos elo.

Relativamente à participação portuguesa penso que ela foi normal quer na prova masculina, quer na prova feminina. Ganhou às selecções mais fracas e perdeu com as mais fortes e não seria lógico exigir mais. Na selecção masculina é de realçar a norma do Rúben Pereira e bom torneio do Luís Galego que provou que continua a ser o melhor jogador português. Na selecção feminina é de realçar a norma da Ana Baptista e a grande margem de progressão que ela apresenta e o bom torneio da Catarina Leite que mostrou ser a jogadora com melhor compreensão do jogo em Portugal apesar da sua baixa no ranking.

Para terminar gostaria de mostrar uma excelente partida do Galego.

No xadrez para se ser bom jogador, temos de possuir 3 habilidades: compreensão do jogo ( estratégia ), visualização de temas tácticos ( material e segurança do rei ), e capacidade para calcular variantes correctamente.

Neste jogo o Galego mostrou que por vezes podem-se fazer boas partidas sem calcular muito, jogando simplesmente com o conceito.


Excelente partida a nível estratégico. Devia estar nos compêndios de como entender o jogo.

Texto e Comentários: José Padeiro
Bookmark and Share

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

MAIS UMA NOITE CONCORRIDA NAS RÁPIDAS DAS QUARTAS-FEIRAS

Ontem, mais uma vez, se reuniram os xadrezistas do Moto Clube do Porto/Alpi Portugal, para na sua sede, realizarem mais uma animada tertúlia, à volta do habitual torneio de rápidas.



Desta feita, tivemos a participação de 12 elementos, sendo dois deles, convidados de outros clubes, que honrosamente nos presenteiam com a sua participação nos nossos torneios das quartas-feiras. Foram eles o Hugo Saraiva, e, o jovem Bernardo, jogadores que esta época militam no G.D. Dias Ferreira.



A prova disputou-se animadamente, não faltando as "polémicas habituais" em relação a questão de desacordos sobre regras. Desta feita, o nosso seccionista Afonso, e, o Veríssimo não estavam de acordo em relação a se as regras deveriam ser seguidas integralmente, ou não. Vingou, neste caso, a posição do Afonso em que as regras devem ser respeitadas.


Esta questão será revista, para que no futuro se saiba préviamente como devemos actuar.


Na parte desportiva, desta vez venceu o Emanuel Sousa, averbando vitórias em todos os jogos que disputou. Deve andar a treinar muito as rápidas de 1 minuto, no buhoo 21.
Foto: Emanuel Sousa, vencedor do torneio.


Segundo lugar para o Veríssimo, que tem vindo irregularmente a estes jogos.

Foto: José Veríssimo Araújo, 2º classificado




No terceiro lugar, ficou o Igor Kovtun, que já ganhou vários destes torneios, mas que desta vez não conseguiu repetir o feito.


Foto: Igor Kovtun, 3º classificado




Nota de realce para o Mário Fernandes, que realizou o último torneio, na vespera de viajar para Espanha, mais própriamente par Benidorm, em funções de "olheiro número 2" (porque o número 1 sou eu). Explico: o Mário vai estar a observar possíveis reforços, especialmente GM's, para possivelmente os juntar ao nosso plantel, na próxima época. Claro, que aproveitando esta função, irá fazer umas ligeiras férias. Desejámos-lhe que descanse bem, para voltar cheio de força.



Foto: Mário Fernandes, "olheiro" no 2.



Classificação:
Emanuel Sousa - 11 pontos
José Veríssimo Araújo - 9 pontos
Igor Kovtun - 9 pontos
4º Mário Fernandes - 6 pontos
5º Afonso Duarte - 6 pontos
6º Aníbal Nogueira - 5 pontos
7º Nuno Messeder Ferreira - 5 pontos
8º Hugo Saraiva - 5 pontos
9ºs. Diana Nogueira - 3,5 pontos
Inês Messeder Ferreira - 3,5 pontos
11º José Silva - 1,5 pontos
12º Bernardo - 0,5 pontos


Posted by Afonsov
Fotos by Juliana Chiu
Bookmark and Share

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

PASSEIO A ALMOFARELA, MARCO DE CANAVESES





Podem disfrutar de mais uma bela prosa do nosso Director-executivo, relativas à secção de moto-turismo gastronómico:

Hino da Alegria na Tasquinha do Fumo
24-11-2008

Meia centena empanturrada em Almofrela

Cada caso é um caso, cada ida do MC Porto a Almofrela é uma festa. Principalmente depois dos aperitivos estarem à disposição nos balcões típicos da loja desta casinha tradicional, escondida na serra da Aboboreira, entre Baião e Marco de Canaveses.




Esta mais recente subida a Almofrela, no domingo 23 de Novembro, foi a terceira organizada pelo MC Porto em menos de um ano. As inscrições esgotaram rapidamente, a caravana foi comprida e disciplinada e coubemos os 50 à justa no andar de cima da Tasquinha do Fumo, graças ao fabuloso sol que permitiu esticar a mesa para a varanda granítica. Mas que festança! Não sabemos quando será a 4ª ida a Almofrela. Mas contem com ela em breve pois clientela não falta.





Percurso a dois tempos




A previsão de bom tempo entusiasmava, o relato dos almoços anteriores também. E num instante a lista de inscritos teve de levar a palavra Esgotado, pois a sala da tasquinha é limitada, facto que até é bom pois dá-lhe o tal ar puro e característico que tanto apreciamos.

E à hora marcada, a caravana arrancou da sede, para a curta e fácil ligação ao Marco de Canaveses. De registar a falha dos organizadores que aqui se penitemciam: não conseguimos ligar a máquina de café a tempo e a malta ficou um pouco para o desconsolado. Pela positiva, tivemos alguns sócios a chegar de longe. Para além do Pompeu, que vem sempre de Braga, a Delfina Brochado tinha acabado de aterrar vinda de França, cheia de calor, pois em terras gaulesas o chão estava gelado. Mas o homenageado do passeio era o “angolano” Adriano Moreira. Que saudades. Nem vinha tostado nem com sotaque de Luanda. Mas com muito que contar.
E no ritmozinho da nossa nova motociclista Fátima Jesus lá fomos engrossando a caravana até à terra da Carmem Miranda, a freguesia de Várzea de Ovelha e Aliviada. Aí começou a segunda parte do itinerário, agora sim, rebuscado e turístico. Pelas margens do Tâmega, entre calçadas, carvalhais e cores outonais, os motociclistas dividiram-se para não obrigar as condutoras menos habituadas a descer o estradão não pavimentado à Ponte do Arco, monumento românico sobre o Ovelha e de trânsito permitido apenas a motociclos!


Fez-se aqui a primeira paragem, bem aproveitada pelos mais amantes da natureza e património. O quadro estava belíssimo. Apreciem as fotos do Zagallo, quando estiverem disponíveis no fundo desta notícia.



Meia hora depois, os motociclistas, já todos reunidos, iniciaram a subida da serra da Aboboreira, o tal último refúgio do lobo ibérico no distrito do Porto. O panorama estava limpo e longínquo. O estradão, também em terra, sobe-se muito bem, entre giestas e alguns carvalhos. No cimo passa-se ao largo da aldeia de Aboboreira e pouco adiante surge-nos Almofrela, onde as motos se distribuiram por todos os cantos vagos do casario granítico.




Há novidades. A aldeia já tem informação turística pois está incluída em recente trilho pedestre. Percurso que só falta entrar na loja da Tasquinha do Fumo por uma porta e sair pela outra. O “parque de estacionamento” da tasquinha está mais amplo, sendo agora óptimo para o jogo da malha. E a D. Isabel e Sr. Artur Soares corriam afanosamente para nos prepararem tudo, pedindo-nos mais cinco e mais dez minutos. E mais cinco...


Cabritada cantada



O apetite foi aumentando mas ao sol estava-se bem. Ao som das malhas a bater nos pinos, curtiam-se espigueiros, senhoras da aldeia, conversa para aqui e conversa para acolá. E quando, quase pelas treze, o Sr. Artur nos piscou o olho, a marabunta atacou os balcões típicos da loja, entre pipos, canecas e sinos e sob as cebolas ao dependuro. A alheira, presunto, cebola em vinho, pão, azeitonas e chouriça voava em direcção aos 50 estômagos famintos. Tudo regado essencialmente a verde branco e palhete, de estalo. Num instante já se cantava e as boas cores apareciam nas bochechas rosadas deles e delas.



Com os aperitivos já se ficou muito bem, o que até deu jeito para a espera que o cabrito – para meia centena não é fácil – saísse do forno. Novo piscar do dono da casa e o desorganizador anunciou pomposamente da varanda o segundo sinal de ataque. Num ápice a querida sala de cima encheu com 40 almas, tendo às restantes sobrado outra minúscula sala contígua e a ensolarada varanda virada para os carvalhais e campos. Esteve-se muito bem nos três locais, todos eles com aspectos positivos. A sala é pequena mas do mais típico que pode haver. A outra tinha muita comidinha para os casais que lá ficaram e que curtiam tanto com os sócios de um lado como com os do outro. E na varanda a comida até parecia saber melhor, com a pureza do ar a 760 metros de altitude.



As travessas foram chegando e esvaziando. “Verdes” para começar, cabritada para continuar, pêras bêbadas para terminar. Bem regado e melhor cantado e animado. Na sala maior ainda não tinha chegado a comida e já havia coro a debitar o cancioneiro popular. Mas que galhofa! E na varanda, alguém com dotes de Amália entoava “casas branquinhas, ruas estreitinhas...”. Era impossível estar-se 10 segundos sério. Depois de grande borga em Dezembro de 2007, com direito a rancho e recepção por parte do MC Baionense, depois de uma ida fria e chuvosa mas de grande calor humano com destaque para o Domingos Cruz no invernal domingo de 13 de Abril, esta terceira ida a Almofrela estava a ser bem diferente mas espectacular. Não sabemos quanto tempo estivemos à mesa, o que cantamos, o que batemos nos tachos e testos. Mas sabemos que foi muito bom e que brevemente regressaremos a esta aldeia sem acessos pavimentados.



Contabilidade na carroça e sopa de nabos
A conta final dividiu-se por todos, com a carroça a servir de balcão bancário e tirou-se a foto obrigatória aos afortunados que viveram este passeio do clube. O Jorge Monteiro hipnotizou umas galinhas (!), animal de grande estima do Zé Fernando que se consolou de passear um galináceo. A D. Isabel aproveitou o osso do ex-presunto e presenteou ao ar livre os convivas com um pote de sopa de nabos, caldo que aqueceu os gargomilhos de todos os que quiseram pois o sol começou a descer rapidamente, ao mesmo ritmo da temperatura. Um cavaleiro apareceu. Os outros, em duas rodas em vez de quatro patas, desapareceram. Despedidas sentidas, abraço para aqui, aperto para acolá e cada um foi descendo a serra para o lado de Baião, caminho mais fácil e rápido. A “caravana” final, de oito casais nas respectivas motos, fecharam o cortejo para um calmo regresso à Invicta.

Muito obrigado a todos pela alegria.


Fotos do Graciano, Zagallo, Arminda e Ernesto em breve. São muitas e boas. Se quiserem já ir espreitar o albúm do “Zé galo”, tomem lá: http://jzagallo.no-ip.com/mcp-almofrela


Posted by Nestov
Bookmark and Share

terça-feira, 25 de novembro de 2008

SEGUNDA RONDA DA TAÇA DA AXP, POR EQUIPAS


No próximo Sábado, dia 29/11, vai realizar-se a 2ª eliminatória da Taça da AXP, por equipas.


Nesta eliminatória, as coisas deverão ser mais equilibradas, dado que as equipas cabeça de série, que ganharam na 1ª eliminatória, jogarão entre si. Destas equipas, nenhuma será ainda eliminada, dado que só à segunda derrota as equipas são eliminadas da prova.


Na segunda metade, jogarão entre si, as equipas que já averbaram a 1ª derrota, e, neste caso as que perderem, sairão da prova.


Depois desta eliminatória, prova terá logo no Sábado seguinte a sua 3ª eliminatória.




JOGOS A EFECTUAR NO SÁBADO:


1 AX de Espinho A - Moto Clube Porto / ALPI C
2 GD Dias Ferreira A - GD Dias Ferreira D
3 GD Dias Ferreira C - Moto Clube Porto / ALPI B
4 GX do Porto B - AX de Gaia A
5 Moto Clube Porto / ALPI A - GX do Porto C
6 GX Escola da Boa Nova - GD Dias Ferreira B
7 GX do Porto A - Clube Millennium bcp
8 AP Urb. Vila d'Este A - FC Amial-Regado
9 AP Urb. Vila d'Este C - AX de Espinho B
10 AC Alfenense - NX Escola da Ponte - Pontex
11 AP Urb. Vila d'Este B - AX de Gaia B
12 Associação Clube de Jazz - NX de Santo Tirso A
13 Moto Clube Porto / ALPI D - AX de Gaia C
14 GX do Porto D - NX de Santo Tirso B


Posted by Afonsov
Bookmark and Share

Final das Olímpiadas em beleza com 2 vitórias







Terminaram as Olimpíadas de Xadrez de Dresden, com a realização da jornada número 11 que foi positiva para as cores de Portugal com 2 vitórias nos jogos de hoje.




Assim, as meninas vencem o Canadá por 2,5-1,5, equipa muito próxima do ranking português nesta Olimpíada.Foram estes os resultados individuais:


Br.53CAN Canada (CAN)Elo-49POR Portugal (POR)Elo1½:2½
30.1WIMKhoudgarian Natalia2149-WIMLeite Catarina2153½ - ½
30.2WFMYuan Yuanling2157-WFMPintor Ariana21521 - 0
30.3WFMKagramanov Dina2118-WFMBaptista Ana Filipa21680 - 1
30.4
Barron Irina2071-WFMCoimbra Margarida21050 - 1






No sector masculino a vitória de Portugal foi sobre a Albânia, equipa manifestamente mais fraca e com ranking inicial de 122.Por tabuleiros os resultados foram os seguintes, não averbando Portugal nenhuma derrota na vitória por 3 a 1.




Br.61POR Portugal (POR)Elo-122ALB Albania (ALB)Elo3 : 1
33.1IMDamaso Rui2425-FMBoshku Harallamb2308½ - ½
33.2FMDias Paulo2406-IMMehmeti Dritan2403½ - ½
33.3IMRocha Sergio2417-FMRama Lorenc22971 - 0
33.4FMPereira Ruben2437-
Paci Aleksander01 - 0


Portugal termina estas Olimpíadas na 55ª posição em masculinos, curiosamente um lugar abaixo do Brasil, e no 46º lugar em femininos , 2 lugares acima do Brasil!!




No que respeita ao topo da tabela classificativa, as medalhas ficaram assim distribuidas:


Masculinos:




Rg.Snr
TeamTeamAnz + = - Wtg1 Wtg2 Wtg3 Wtg4
19ARMArmeniaARM1191119400,5152,031,0
28ISRIsraelISR1182118377,5149,028,0
310USAUnited States of AmericaUSA1181217362,0146,029,0




Femininos:



Rg.Snr
TeamTeamAnz + = - Wtg1 Wtg2 Wtg3 Wtg4
14GEOGeorgiaGEO1182118411,5148,031,0
22UKRUkraineUKR1174018406,5146,030,0
37USAUnited States of AmericaUSA1181217390,5145,030,5



Destaque para a equipa americana que coloca ambas as equipas no pódio final!!A Russia potência mundial da modalidade termina em 4º e 5º lugar, respectivamente na classificação feminina e masculina.







texto by goodchess



fotos in www.dresden2008.de
Bookmark and Share

CAMPEÃO DA EUROPA GM SEIGEI TIVIAKOV ASSINA PELA ACADEMIA DE XADREZ DE GAIA

O Campeão da Europa, de origem Russa, naturalizado Holandes, GM Sergei Tiviakov, numa rápida visita a Portugal, assina pela Academia de Xadrez de Gaia, clube da Associação de Xadrez do Porto, para jogar o Campeonato Nacional de equipas, a realizar em Agosto do próximo ano.

Dada a grande competitividade desta prova, a Academia de Xadrez de Gaia, reforça-se com um jogador de peso.

O GM Sergei Tiviakov, que recentemente esteve presente, e, foi vencedor, do Torneio Internacional de Vale de Cambra, é um excelente profissional, que aos 16 anos, foi Campeão do Mundo, do seu escalão.

Vamos a ver qual a resposta da concorrência, para estes campeonatos.

Posted by Afonsov
Foto by Juliana Chiu
Bookmark and Share

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

TORNEIOS PARA NOVEMBRO/DEZEMBRO


Continuamos a divulgar semanalmente os torneios de que temos conhecimento, gostaríamos de ter muitos mais para o que ficamos ao dispôr para o mail:goodchess58@gmail.com



S.JOÃO MADEIRA:IV Torneio AEJ Xadrez 22-29-30 nov.

regulamento:http://www.maisxadrez.com/eventos/?id=2103

LISBOA:XI Torneio Aberto de Xadrez da Freguesia de Benfica 1 Dez.

regulamento:http://www.gddiasferreira.pt/files/torneios/XI_TAXFB-Regulamento.pdf


FIGUEIRA DA FOZ:Torneio Internacional da Figueira da Foz - 2008 30 nov a 7 dez

regulamento:http://www.gddiasferreira.pt/files/torneios/figueira2008.pdf

ALBUFEIRA:6º OPEN INTERNACIONAL XADREZ-14 Dez.

regulamento:http://mail.google.com/mail/?ui=2&ik=7bf0a52101&view=att&th=11d736a376a72262&attid=0.2&disp=vah&realattid=0.2&zw


TORRES NOVAS:V OZONE BOWLING CAFÉ: 13 Dez.

todas as informações em:http://www.paulojlcostachess.blogspot.com/


PORTO:Open de Natal semi rápidas 25 min. 14 Dez.

informações: exptraquinas@sapo.pt


CUCUJÃES:XXVI Torneio Aberto de Xadrez Vila de Cucujães:6-7 13-14 dez

regulamento:http://www.gddiasferreira.pt/files/torneios/reg-nac_2008.pdf


BENEDITA:
I Torneio FIDE Externato Cooperativo da Benedita 19-20-21 dez

regulamento:http://axleiria.weebly.com/uploads/1/1/4/4/1144694/extbenfide.pdf


LEON (ESPANHA) :Open Mundial Xadrez 26 a 28 Dez.

página do open:http://www.openmundialdeleon.com/






texto by goodchess
Bookmark and Share

Torneio Velero sin Enroque-Guimarães

Foto:Mais uma vez o Museu Alberto Sampaio em Guimarães foi palco de um torneio de xadrez.


Torneio sem roque foi o desafio neste torneio de rápidas de bom nível, com a participação de Ivan Salgado, Grande Mestre Espanhol!! e ainda de um bom conjunto de jogadores portugueses


Foto:A "foto de família" no final do torneio


Na 1ª fase os resultados foram os seguintes:


1  Salgado Lopez, Ivan               13:W  7:W  6:W  4:W  3:W  5:W
2 Castro, Francisco 10:W 9:D 17:W 3:D 11:W 4:W
3 Silva, Stephane 15:W 11:W 8:W 2:D 1:L 9:W
4 Araujo, Luis 26:W 5:W 9:W 1:L 6:W 2:L
5 Castro, Henrique 21:W 4:L 13:W 20:W 7:W 1:L
6 Padeiro, Jose 25:W 14:W 1:L 12:W 4:L 13:W
7 Bolhari, Orphe 20:W 1:L 21:W 8:W 5:L 12:W
8 Perez Fungueiro, Manuel 23:W 12:W 3:L 7:L 20:W 11:W
9 Dias, Ivo 24:W 2:D 4:L 19:W 10:W 3:L
10 Silva, Albino 2:L 19:D 18:W 21:W 9:L 17:W
11 Sousa, Emanuel 19:W 3:L 22:W 17:W 2:L 8:L
12 Kovtun, Igor 22:W 8:L 15:W 6:L 14:W 7:L
13 Minakov, Yaroslav 1:L 18:W 5:L 16:W 15:W 6:L
14 Margarido, Ricardo 16:W 6:L 20:L 22:W 12:L 18:W
15 Gomes, Bruno 3:L 16:W 12:L 24:W 13:L 20:W
16 Duarte, Afonso 14:L 15:L 25:W 13:L 24:W 21:W
17 Lago, Antonio 18:D 24:W 2:L 11:L 22:W 10:L
18 Gomes, Rui Pedro 17:D 13:L 10:L 25:W 19:W 14:L
19 Sa, Jose 11:L 10:D 23:W 9:L 18:L 24:W
20 Sa, Claudio 7:L 25:W 14:W 5:L 8:L 15:L
21 Fernandes, Mario 5:L 26:W 7:L 10:L 23:W 16:L
22 Silva, Nuno 12:L 23:W 11:L 14:L 17:L 26:W
23 Vale, Paulo 8:L 22:L 19:L 26:W 21:L 25:W
24 Lesteiro Lores, Manuel 9:L 17:L 26:W 15:L 16:L 19:L
25 Viana, Eduardo 6:L 20:L 16:L 18:L 26:W 23:L
26 Mota, Francisco 4:L 21:L 24:L 23:L 25:L 22:L




Foto:Os 6 primeiros classificados, com o Luís Araújo (Moto Clube do Porto ) em 4º com o diploma o troféu e o envelope com o cheque mistério!!!



A classificação final ficou assim ordenada na fase final:


1º Ivan Salgado
2º Francisco Castro
3º Stephane Silva
4º Luís Araújo
5º Henrique Castro;José Padeiro
6º Orphe Bolhari
8º Manuel Fungueiro
9º Igor Kovtun
10º Emanuel Sousa
11º Albino Silva
12º Ivo Dias
13º Yaroslav Minakov
14º Bruno Gomes
15º Ricardo Margarido
16º Afonso Duarte



texto by goodchess



fotos by Fernando Castro com os nossos agradecimentos
Bookmark and Share

2 DERROTAS NA 10ª JORNADA DAS OLIMPIADAS




Apenas duas derrotas em 8 jogos na jornada de ontem ( Rui Dâmaso nos homens e Ariana Pintor nas senhoras ) das Olimpíadas de Xadrez de Dresden ditaram as duas derrotas por 2,5-1,5 de femininos e masculinos das equipas Portuguesas, que assim baixaram na classificação geral , a masculina para 64º lugar com 5 vitórias e 5 derrotas e a feminina para 55º ,também com 5-0-5 , ambas abaixo do ranking inicial.

Resultados:

Feminino:

Br.49POR Portugal (POR)Elo-30CRO Croatia (CRO)Elo1½:2½
19.1WIMLeite Catarina2153-WGMGolubenko Valentina2273½ - ½
19.2WFMPintor Ariana2152-WGMMedic Mirjana22810 - 1
19.3WFMBaptista Ana Filipa2168-WIMFranciskovic Borka2275½ - ½
19.4WFMCoimbra Margarida2105-WIMJelica Mara2205½ - ½


Masculino:



Br.61POR Portugal (POR)Elo-41GER Germany 2 (GER2)Elo1½:2½
30.1IMDamaso Rui2425-GMMeier Georg25580 - 1
30.2FMDias Paulo2406-IMBraun Arik2567½ - ½
30.3IMRocha Sergio2417-IMBogner Sebastian2448½ - ½
30.4FMPereira Ruben2437-IMHuschenbeth Niclas2417½ - ½



Quase no final destas Olimpíadas a atribuição das medalhas começa a ficar ao alcance de poucas equipas, nos homens as equipas da Arménia,Israel,Ucrânea, China , Russia e Holanda estão melhor colocadas para o pódio!!



Rg.Snr
TeamTeamAnz + = - Wtg1 Wtg2 Wtg3 Wtg4
19ARMArmeniaARM1081117339,0128,028,5
22UKRUkraineUKR1073017309,5133,025,0
38ISRIsraelISR1072116315,5123,025,5
43CHNChinaCHN1072116291,5122,025,5
51RUSRussiaRUS1071215309,0127,025,0
620NEDNetherlandsNED1071215292,0116,026,0
712ESPSpainESP1071215270,0112,025,5
810USAUnited States of AmericaUSA1071215266,0114,025,5
94AZEAzerbaijanAZE1062214305,0125,026,5
1037VIEVietnamVIE1062214296,0119,026,5





No sector feminino , Polónia , Ucrânea, Geórgia e Sérbia deverão estar nas medalhas.....



Rg.Snr
TeamTeamAnz + = - Wtg1 Wtg2 Wtg3 Wtg4
19POLPolandPOL1081117302,0125,026,0
22UKRUkraineUKR1064016343,0122,027,5
34GEOGeorgiaGEO1072116330,5121,028,0
410SRBSerbiaSRB1072116277,5119,025,5
57USAUnited States of AmericaUSA1071215321,0119,028,0
61RUSRussiaRUS1063115298,0121,027,0
73CHNChinaCHN1062214328,0133,025,5
86ARMArmeniaARM1070314288,5122,025,5
95FRAFranceFRA1062214275,0108,028,0
1011INDIndiaIND1062214274,5120,023,5













texto by goodchess
Bookmark and Share