quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

4ª JORNADA DA TAÇA DA AXP, POR EQUIPAS

No próximo Sábado, às 15:00 horas, disputar-se-à a 4 eliminatória da Taça da AXP, por equipas.

Nesta eliminatória ficará isenta a equipa do GD Dias Ferreira A.

Na eliminatória seguinte já se jogarão os quartos-de-final desta prova.

O Moto Clube do Porto ainda se mantém em prova, com as suas equipas A e B.

O sorteio ditou que ambas joguem em casa, contra duas equipas do Grupo de Xadrez do Porto.


EMPARCEIRAMENTO PARA A 4ª ELIMINATÓRIA:
1 GX do Porto C - GD Dias Ferreira C
2 GX do Porto B - Associação Clube de Jazz A
3 NX de Santo Tirso B - AX de Gaia A
4 GD Dias Ferreira F - GD Dias Ferreira B
5 Moto Clube Porto A - GX do Porto D
6 Moto Clube Porto B - GX do Porto A
7 Clube Millennium bcp - Profigaia Chess
8 GD Dias Ferreira A - Isento

Posted by Afonsov
Bookmark and Share

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

ACR VALE DE CAMBRA CAMPEÃO NACIONAL DE SEMI-RÁPIDAS, POR EQUIPAS

Realizou-se no passado Domingo, o Campeonato Nacional de Xadrez, de partidas semi-rápidas (30 minutos/jogador), por equipas, José Vareda.

A prova foi realizada, como habitualmente, no Pavilhão do Sport Operário Marinhense, que mais uma vez chamou a si, a responsabilidade desta prova.

A arbitragem esteve a cargo do árbitro internacional, Carlos Dias.

Disputaram estes campeonatos 46 equipas, em representação de 35 clubes. Este todo o país representado de Norte a Sul, e, Ilhas.

De todas as equipas presentes, resaltava o poderio de duas delas. O ACR Vale de Cambra, e, a Academia de Xadrez de Gaia. Eram as únicas equipas que apresentavam um "quatro" de todos os jogadores titulados. A média do ranking destas duas equipas ultrapassava os 2400 pontos ELO. As equipas seguintes, ultrapassavam somente 2100 pontos de ELO.

Assim vislumbra-se uma disputa essencialmente entre estas duas equipas, sendo algumas das restantes simples "outsiders" à espera de um "milagre", que na realidade não aconteceu.

Como a prova se disputou em sistema suisso, de 7 jornadas, na terceira ronda as duas equipas favoritas viram-se frente-a-frente, tendo dominado a equipa de Vale de Cambra. Daí para a frente foi só gerir a vantagem.

A equipa A do Moto Clube do Porto, obteve um bom sexto lugar, enquando a equipa B, não foi além do vigésimo sétimo.



CLASSIFICAÇÃO FINAL:
Jog. + = - Pts.
1. ACR Vale de Cambra I 7 6 1 0 24
2. AX Gaia 7 5 1 1 21
3. GX Alekhine I 7 4 2 1 19 ½
4. Santoantoniense FC 7 5 0 2 18 ½
5. Amiguinhos MAS 7 4 2 1 18
6. Moto Clube do Porto I 7 5 0 2 17 ½
7. AC Luís de Camões I 7 3 2 2 17 ½
8. GDRC Bonfim I 7 4 2 1 17 ½
9. GD Dias Ferreira 7 4 1 2 17
10. ACR Vale de Cambra II 7 5 0 2 17
11. CX Moita 7 3 2 2 16 ½
12. Clube TAP 7 3 3 1 16 ½
13. GD Carris II 7 3 1 3 16
14. AA Coimbra 7 4 2 1 15 ½
15. Quinta Marques da Costa I 7 3 3 1 15
16. NX Faro 7 1 6 0 15
17. Peões de Alverca 7 2 2 3 15
18. GD Carris I 7 3 2 2 15
19. AEJ S. João da Madeira 7 4 0 3 14 ½
20. Clube EDP 7 2 3 2 14 ½
21. AA Amadora 7 3 1 3 14 ½
22. CRD Cavaquinhas 7 2 3 2 14
23. CX Montemor-o-Velho 7 3 2 2 14
24. Assembleia Figueirense 7 2 3 2 14
25. GX Alekhine II 7 3 1 3 14
26. SO Marinhense I 7 3 0 4 14
27. Moto Clube do Porto II 7 3 1 3 14
28. Clube dos Galitos I 7 2 2 3 13 ½
29. EB2,3 João de Meira I 7 2 0 5 13
30. Clube dos Galitos II 7 2 2 3 13
31. GX Torres Novas 7 2 2 3 12 ½
32. CX Pedro Hispano - Soure 7 1 2 4 12 ½
33. CX Sintra I 7 3 0 4 12
34. Quinta Marques da Costa II 7 2 2 3 12
35. AC Luís de Camões II 7 3 1 3 12
36. AAU Açores 7 3 0 4 12
37. AX Benedita 7 2 1 4 11 ½
38. CN Moitense II 7 2 1 4 11
39. SO Marinhense 7 3 1 3 11
40. Glória FC 7 2 1 4 10 ½
41. CX Sintra II 7 1 1 5 10 ½
42. AEFCR Penichense I 7 2 0 5 10
43. AEFCR Penichense II 7 3 0 4 10
44. SF Benfica 7 2 0 5 10
45. AM 1º Junho 1983 7 1 0 6 6 ½
46. EB2,3 João de Meira II 7 0 0 7 1

Posted by Afonsov

Bookmark and Share

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

CANTAR AS JANEIRAS NA SEDE DO MOTO CLUBE DO PORTO


Janeiras de Alfena enchem sede do MC Porto

22-01-2010

Centena de convivas apinharam a nossa casa

Conforme prometido, os Motards de Alfena voltaram a invadir alegremente o MC Porto.
De cavaquinho em punho e gargantas afinadas cantaram até que a voz lhes doesse na 6ª feira, 22 de Janeiro, perante uma sede extremamente bem composta. Nem coubemos todos lá dentro.
Uma centena de pessoas passou por Aurélia de Sousa para conviver, cantar e ouvir. E para jantar também, que a noitada começou pelas 20 horas com jantar de multa. E foi muita a petisquice trazida pelas sócias e sócios.
Claro que o ambiente começou a animar e pelas 22h, quando a trupe – eram muitos... – alfenense arribou ao MC Porto já os espíritos estavam animados e dispostos para a cantoria.
Os cantantes e tocadores dos Motards de Alfena e Filhos da Pauta conseguiram tocar as quatro primeiras a seco. Até que finalmente molharam o bico. Seguiram-se mais umas poucas e toca a encher o copo. E venham mais umas músicas populares. Havia malta do MC Porto que já ajudava ao coro, outros que se mantinham nas cavaqueiras costumeiras.
Uma t-shirt do clube rodou às escondidas pela sede para que todos os presentes a assinassem.
Assim, os amigos da vila onde o rio Leça corre no concelho de Valongo levaram uma recordação da nossa humilde casa e acolhimento.

Muito Obrigado!
E ainda aproveitaram para nos convidar para a inauguração da sua nova sede, já a 30 de Janeiro.

Obrigado a todos os presentes nesta noitada de tanto calor humano no clube.
Fotos em breve.


Passeio a Macinhata – PROestima pelas costuras

O Passeio a Macinhata do Vouga – Proestima está mais que esgotado.
Quem nos dera poder dizer sim a todos mas o restaurante não tem condições para aceitar mais ninguém. A caravana está enorme e quem ainda se está a inscrever é para almoçar em restaurante a 800 metros. De resto andarão sempre connosco, na passeata e visita ao Museu Ferroviário.





Foto: Os três estarolas.
Posted by Nestov
Bookmark and Share

OSVALDO GARCIA, MAIS UM AVENTUREIRO DO MOTO CLUBE DO PORTO À CONQUISTA DE ÁFRICA




Osvaldo Garcia vai atravessar África sozinho em AJP
21-01-2010

Sócio 9 do MCP será o adepto da selecção mais aventureiro

O motociclista mais multifacetado que conhecemos no MC Porto e Portugal – já competiu nas modalidades todas à excepção de motos de neve e pouco mais – Osvaldo Garcia, surpreende-nos uma vez mais e desta vez com um projecto solitário, aventureiro e muito corajoso:
Vai atravessar todo o continente africano, de Marrocos à África do Sul, só, numa AJP (única moto de fabrico português) de modo a chegar a tempo de assistir ao jogo inaugural da nossa selecção de futebol no Mundial!

Incrível, não é?O Osvaldo, nosso sócio nº 9 e organizador de várias provas de Campeonato do Mundo de Trial para o clube há cerca de 10 anos, está actualmente em grande forma. Os seus 50 e poucos anos não lhe pesam. O facto de ter sido avô há pouco também não e só quer é começar a ensinar ao neto como se conduz uma moto.
Não esqueçamos que a “Dinastia Garcia” começou no seu pai, José Garcia (sócio 2 MCP) que era piloto de velocidade em moto em Moçambique.
Com o pai, sua mãe e o irmão Jorge (todos sócios do MC Porto), Osvaldo inseria-se numa família que dava nas vistas pois todos os anos iam a Jarama ver os “GP de Portugal” em 4 motos...
André Garcia, filho de Osvaldo, tem o nome no Guinness Book of Records por ser o homem com mais títulos nacionais consecutivos do Mundo (no nosso nacional de trial)...


Rijo, rijo, rijo

Após esta breve apresentação, podemos referir ainda que o Osvaldo é participante habitual do Lés-a-Lés. Mas nunca numa moto “normal”. De Monkey, ciclomotor Luzeiro, Yamaha 50 ou side chinês já chegou ao palanque final na ponta da unha. Mas feito mesmo foi levar uma espécie de Solex a pedal na 8ª edição de Barcelos à Quarteira!

Com esta fibra, conhecimentos de mecânica e gosto por África (a juventude foi vivida em Moçambique) temos a certeza de que o Osvaldo vai conseguir estar na bancada a puxar pela equipa das quinas!

A moto escolhida é o modelo hoje lançado em Lisboa, um modelo de 200 cc e chamada de “Xutos & Pontapés” na presença da banda completa e do construtor António Pinto que tem sede em Penafiel e fábrica em Lousada. Para além da pintura traz uma pen com todas as músicas da banda e outros brindes.

A partida da aventura acontecerá a 4 de Abril em Lousada e o Osvaldo pode contar com o apoio do MC Porto!

Transcrevemos de seguida a notícia publicada em O Jogo On Line.


Osvaldo Garcia vai viajar por 16 países numa AJP Xutos & Pontapés

O motociclista Osvaldo Garcia vai fazer a travessia de 16 países numa moto AJP Xutos & Pontapés, lançada hoje no mercado, e saudar a selecção nacional no seu primeiro jogo em África do Sul, no campeonato do mundo da modalidade.

Com partida marcada para 4 de Abril, em Lousada, o motociclista propõe-se percorrer mais de 20 mil quilómetros através de Espanha, Marrocos (Sahara Ocidental incluído), Mauritânia, Mali, Burkina Faso, Benin, Nigéria, Camarões, Gabão, Congo-Brazzaville, República Democrática do Congo, Angola, Zâmbia e Moçambique.

A chegada a África do Sul está prevista para 15 de Junho e dará por cumpridos três objectivos: apoiar a selecção portuguesa no seu primeiro jogo no campeonato; demonstrar o potencial das motos produzidas pela AJP, que é a única fabricante de motociclos em Portugal; e “realizar o sonho antigo de uma viagem destas”, na altura em que Osvaldo Garcia tem “disponibilidade e patrocinadores” para o efeito.

Receio quanto aos riscos da viagem em territórios nem sempre pacíficos, o motociclista não tem.
Osvaldo Garcia diz que não está muito preocupado com questões de segurança “porque as coisas más, a acontecerem, tanto se dão em África como em Portugal, sobretudo numa altura destas, em que há tanta gente numa situação difícil devido ao desemprego”.
“Preocupa-me mais o estado do meu estômago, por causa do que vou ter que comer e da água que vou beber”, confessa Osvaldo Garcia.
“Não tenho muitas defesas físicas e em países mais estranhos, como o Egipto e a Tailândia, dei-me sempre mal com a comida. Numa viagem destas, sozinho, pode ser ainda mais complicado”.
Transportar alimentação própria não é uma opção muito viável.

António Pinto, fundador da AJP Motos S.A, está a adaptar a versão dos Xutos da PR4 de 200 centímetros cúbicos para as exigências da viagem, no que prevê a instalação de duas malas na moto, mas adianta que a prioridade será o transporte de uma tenda para as noites em que Osvaldo Garcia não terá onde dormir.
“A moto também vai ficar equipada com depósitos suplementares de combustível”, acrescenta o empresário.
“A autonomia normal é de 150 quilómetros, mas queremos que o Osvaldo tenha combustível para 600, porque, em certos percursos da viagem, ele não vai ter sítio nenhum onde abastecer”, diz.
O motociclista admite que também queria conduzir a moto na viagem de regresso, mas esclarece: “O [António] Pinto não me deixa. Diz que é para meter a mota no avião e vir com ela directo para cá”.

Tim, o vocalista dos Xutos & Pontapés, mostrou-se entusiasmado com o projecto: “Contaram-me quando estávamos a gravar os filmes de promoção às motas e achei muito engraçado”.


Janeiras e Comboios

Não esqueçam que esta 6ª feira, 22 de Janeiro, o clube estará em festa a partir das 20h com jantarada e nova incursão folclórica do MC Alfena.
Traz a tua multa (salgados, doces, vinhos, o que quiserem) e muita animação!

Domingo vamos em enorme caravana até Macinhata do Vouga passear pela ria de Aveiro e conhecer um interessante museu ferroviário.
Notícias detalhadas ao lado.






FOTOS SELECIONADAS, COM PARTICIPAÇÃO DO OSVALDO GARCIA:



Posted by Nestov
Bookmark and Share